POESIA & INSIGHTS
"A poesia não é minha. É como o vento, que só passa através de mim." Chico Xavier

quinta-feira, 25 de junho de 2009


Nu oposto.
Do contrário, vida jogada no muro como estencil.
Porque tem buracos.

Uns em forma de coração, outros, formas de flores e outros ainda.
Sei não.




amoR é Roma.

De Romeu e Julieta.
De tanto choro.

De história inventada.
Ou transferida para versos velhos?

"But passion lends them power, time means, to meet, Tempering extremities with extreme sweet."

Amor que se define nos três pontinhos...
Que se limita entre os dois extremos que nunca terminam.
Coloridos ou não.

Um comentário:

Tatiane Rangel disse...

Que lindo!
Linda amiga poetisa!